Rolando Christian Coelho

Rolando Christian Coelho

Rolando Christian Sant' Helena Coelho é bacharel em Comunicação Social, com especialização em Jornalismo. Também é bacharel em Psicologia e bacharelando em Ciências Políticas. Tem MBA em Jornalismo Digital e em Administração e Marketing. Em 1990 fundou o Jornal Correio do Sul, assim como foi um dos fundadores da Rádio 93 FM em 2010. Atua também como produtor cultural e escritor.

13 de setembro de 2017 00:54

Rolando Christian Coelho, 13/09/2017

Audiência pública marcada para dia 28 de setembro deverá ser o pontapé inicial pela mobilização em prol da recuperação da rodovia.


Finalmente uma ação pela José Tiscoski

 

Demorou, bem mais do que deviria, diga-se de passagem, mas, finalmente, foi desencadeado um movimento conjunto, integrado pelas forças políticas e comunitárias de nossa região, visando a recuperação da Rodovia José Tiscoski, entre Balneário Gaivota e Jacinto Machado.

Quem está timonando esta ação são os deputados estaduais José Milton Scheffer (PP) e Manoel Mota (PMDB), que já gastaram a sola do sapato de tanto pedir para que a Secretaria de Infraestrutura do Estado tome providência em relação à rodovia, que há anos carece, no mínimo, de recapeamento. Pelo menos ao longo da última década o governo estadual tem se dedicado meramente a realização de operações tapa buracos, que servem apenas, mal e porcamente, para amainar os problemas de trafegabilidade da José Tiscoski, especialmente entre Sombrio e Jacinto.

Falta de dinheiro para uma obra robusta não é, prova disto é o fato do governo ter, e estar investindo, ao longo dos últimos recentes anos, mais de R$ 400 milhões em rodovias na região de Criciúma, terra do vice-governador Eduardo Pinho Moreira (PMDB), e do Secretário de Estado da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro. Bem menos que 10% deste valor já seria o suficiente para recapar completamente a rodovia José Tiscoski, implantando acostamentos descentes, e ciclovia, ao longo de seus quase 30 quilômetros. Paralelo a isto, por óbvio, poderíamos ter também na aludida SC 449 uma sinalização condizente com nossa realidade.

Com esta intenção, está prevista para ser realizada no próximo dia 28, na localidade de Morro do Cipó, no interior de Sombrio, uma audiência pública para discutir a necessidade de tais investimentos. Um projeto que está engavetado na Secretaria de Estado da Infraestrutura da conta de que são necessários R$ 31 milhões para que todo o trecho compreendido entre Gaivota e Jacinto seja recuperado. Zé Milton e Mota têm dito que com menos que isto é possível fazer a obra, ressaltando que algumas medidas paliativas poderiam ser tomadas, de modo a desonerar o investimento final. Na verdade não deveriam dar esta alternativa ao governo. Nem eles nem as demais forças que estão se aglutinando em torno desta demanda. Há anos nossas rodovias estaduais são meramente objeto de promessas. A já licitada Araranguá-Meleiro está parada. A Serra do Faxinal dispensa comentários. A Araranguá-Arroio do Silva é uma vergonha. Em São João do Sul a população fica constantemente à mercê das chuvas, que se forem mais intensas alagam a SC 290 que dá acesso ao município e à Praia Grande.

Este movimento desencadeado pelos deputados estaduais aqui do Extremo Sul irá contar com a participação das prefeituras, Câmaras Municipais, cooperativas, CDL´s e Associações Comerciais de Sombrio, Jacinto Machado e Balneário Gaivota. Quiçá, seja um movimento contínuo, até que a José Tiscoski seja recuperada.

 

Condenado

Candidato a vereador pelo PDT de Sombrio em 2012, Claudiovani Coelho Bittencourt foi condenado à 20 anos de prisão, em regime fechado, pela prática de atos libidinosos mediante ameaça, contra menor de 14 anos. A denúncia oferecida pela Promotoria da Comarca de Sombrio foi considerada procedente pelo juízo da 2ª Vara da Comarca. Trata-se de um processo antigo, com os atos reportados pela vítima sendo concernentes à 2012 e 2013. Claudiovani atuava como professor de dança e, de acordo com a acusação, fazia suas investidas contra um menino que era um de seus alunos. Em princípio o réu poderá recorrer em liberdade, mas sua situação poderá se agravar caso outras denúncias apareçam, o que não é raro de acontecer em situações como esta. Muitas vítimas acabam tomando coragem de se manifestar somente depois de se sentirem encorajada por uma condenação de seu algoz.

 

Afinado

Ex-prefeito de São João do Sul e ex-Coordenador Regional do PT, o agora brizolista Alex Bianchin diz que está se sentindo em casa no PDT. Ainda que não explicite, Alex deixa transparecer que a saída do PT lhe trouxe uma espécie de alívio, já que, por óbvio, as cobranças sobre qualquer líder petista, em função das atuais circunstâncias políticas, são muito grandes e desgastantes. “Estamos trabalhando de forma tranquila e sendo muito bem aceitos pela população regional no PDT. Vamos consolidar o partido em toda região, principalmente através do projeto de reeleição do deputado estadual Rodrigo Minotto (PDT)”, comenta o ex-prefeito. Minotto, aliás, é um dos que está torcendo para que a reforma política não avance no Congresso Nacional, o que provavelmente acabará acontecendo. Caso seja implantado o chamado distritão, Rodrigo Minotto terá uma eleição bastante complicada em 2018, já que apenas os 40 candidatos a deputado estadual mais votados seriam eleitos. Em 2014 ele ficou na 52ª colocação, tendo sido beneficiado pelo voto de legenda.

 

PSC em Araranguá

Coordenação Regional do PSC esteve reunida ontem em Araranguá. A partir do município estão sendo montadas as comissões provisórias do partido em Balneário Arroio do Silva e Maracajá. No total, a sigla já está organizada em sete municípios do Extremo Sul, e a expectativa é a de que esteja presente em toda a região até o final do ano. O principal objetivo é o de fortalecer o partido para o embate eleitoral do ano que vem, de olho no projeto de reeleição do deputado estadual Narcizo Parisotto (PSC). Interessante observar que no encontro de ontem o deputado federal fluminense, Jair Bolsonaro, foi referenciado como o candidato do partido à Presidência da República ano que vem, ainda que o parlamentar já tenha ressaltado que deixará o PSC para disputar o Planalto pelo PEN, sigla que deverá passar a se chamar Partido Pátria Amada. Para o PSC, no entanto, as rusgas internas que incomodavam Bolsonaro já foram resolvidas.

 

Avesc

Voltou a ser discutida em nossa região a possibilidade de se criar, ou recriar, a Associação dos Vereadores do Extremo Sul Catarinense, a Avesc, que funcionaria como uma versão da Amesc, só que ligada aos legislativos dos 15 municípios de nossa região. Na década de 1990 uma associação como esta chegou a funcionar durante algum tempo aqui no Extremo Sul, mas acabou desarticulada, principalmente porque ela carecia de objetivos claros para seu funcionamento. Na ocasião, a tal associação acabou servindo mais para a promoção pessoal de seus comandantes, do que para a atuação na resolução de demandas de nossa região. Desta vez, caso a Avesc dê certo, a pirotecnia deverá ser deixada de lado. É que o que não tem faltado aqui no Extremo Sul são problemas para serem resolvidos em nível regional. O anúncio do fechamento da JBS Alimentos em Morro Grande é um caso clássico, já que seus reflexos atingem praticamente todos os municípios da região, exigindo, por conta disto, esforços de líderes políticos dos mais diversos municípios do Extremo Sul, o que, por óbvio, contempla os vereadores.

FRASE

“Chega um momento em que um líder precisa tomar uma decisão, ainda que ela não seja segura. Ela também não será popular, e muito menos política. Mas ela precisará ser tomada porque a consciência lhe diz que isto é o que deve ser feito”.

Martin Luther King (1928/1968) – Líder pacifista estadunidense

CHARGE

Mais de Rolando Christian Coelho

Rolando Christian Coelho

Amin não se entregará fácil em 2018

Deputado federal, que sofre resistências de seu partido para...

Rolando Christian Coelho

Lagoa tem jeito, mas caminho é outro

Novo movimento em prol da Lagoa do Sombrio erra o foco ao não levar...

Rolando Christian Coelho

Nada de PMDB e PP. Quem manda é PSD e PSDB

Mais uma vez, quem deverá dar as cartas do pleito estadual serão...

Rolando Christian Coelho

Zé Milton manda recado para Amin

Deputado disse que PP não pode se empolgar com pesquisas que apontam...

Mapa de Editorias