Educação     21 de abril de 2017 05:58
Timbé do Sul

DNIT compartilha conhecimento com a comunidade de Timbé do Sul

Equipe da Gestora Ambiental realiza oficina com alunos do município que recebe as obras da BR-285/RS/SC


A equipe do Programa de Educação Ambiental (PEA) da BR-285/RS/SC iniciou uma parceria com a Escola de Ensino Básico Timbé do Sul para o desenvolvimento do projeto Ensino Médio Inovador, proposta do Ministério da Educação que busca promover a formação integral dos estudantes e fortalecer o protagonismo juvenil com a oferta de atividades criativas e emancipadoras. Profissionais da Gestora Ambiental (STE S.A.) das obras de implantação e pavimentação da rodovia, executadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), realizaram no dia 12/04 uma oficina de foto e audiovisual com turmas do 1º e 2º anos.

As técnicas, potencialidades e elementos narrativos que podem ser explorados em fotografia e vídeo foram apresentados no auditório da instituição. Os alunos foram provocados a refletir sobre os diferentes processos de criação e formatos que podem ser utilizados no projeto, cujo objetivo é incentivar o turismo por meio da divulgação dos recursos naturais do município. Após a conversa, ocorreu a primeira de quatro saídas de campo que estão programadas até o final do ano. O destino foi o Restaurante Rural São Miguel, na localidade de Amola Faca, onde são servidas comidas típicas da região e comercializados produtos cultivados na propriedade.

Durante a atividade, os profissionais da Gestora Ambiental acompanharam e instruíram os alunos nas entrevistas e gravações de imagens e áudios. A professora de Línguas Portuguesa e Inglesa, Franciele Pesente Daltoe, destaca que a atividade engloba diferentes conhecimentos que serão reunidos em um projeto final para ser disponibilizado nas mídias e redes sociais. O objetivo, conforme explica a professora de Artes, Pollyana Pavei Bez Batti, é promover a valorização da memória e dos diferenciais positivos de Timbé do Sul. “A maioria das pessoas que mora aqui não conhece as belezas que a cidade proporciona. A ideia é mostrar esse potencial que, somado à pavimentação da serra, pode atrair mais pessoas à região.”

Para o educador ambiental do PEA Cauê Canabarro, a participação no projeto visa contribuir para que o conhecimento produzido pela Gestora Ambiental possa ser compartilhado e ampliado pela comunidade. “É um projeto interdisciplinar que vem ao encontro da ideia de educação ambiental, que consiste em trabalhar o ambiente de forma complexa nas suas múltiplas determinações e possibilidades. E também porque a própria Gestão Ambiental tem essa característica, fazendo com que a equipe possa se inserir de várias maneiras ao longo do processo”, conclui

 

Relacionados

Educação

Escolas de Araranguá receberão projeto de...

As escolas vão receber uma bela estante personalizada com livros...

Educação

Apaes da região procuram professores

Educação Especial da Gered Araranguá promoverá 6ª chamada para...

Educação

Profissionais debatem Atendimento Educacional...

Reunião contou com a explanação sobre o AEE Altas...

Educação

Belezas naturais e culturais de Jacinto Machado...

Município faz parte do projeto Geoparque

Mapa de Editorias