Geral     6 de dezembro de 2017 10:00
Região

Duas cidades celebram prédio para Social


As obras de construção do novo Cras de Maracajá foram retomadas esta semana, com novo sistema de perfuração do solo para implantação da estrutura do prédio. A notícia foi dada pelo secretário de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação, deputado estadual Valmir Comin, que visitou o canteiro de obra na tarde de sexta-feira. O vice-prefeito Ademir de Oliveira, secretários e diretores municipais, vereadores e técnicos de Maracajá acompanharam a comitiva de Comin.

O novo Cras de Maracajá começou a ser construído no final de outubro e logo que teve início o serviço de implantação de estacas escavadas, utilizando equipamento popularmente chamado de ‘bate-estacas’. Responsáveis por um edifício vizinho que está em fase de construção e moradores próximos se queixaram dos reflexos dos impactos. A obra, com isto, foi paralisada.

Técnicos da administração municipal e do governo do Estado, responsáveis pelas obras, concluíram como alternativa a utilização do processo de hélice contínua, que perfura o solo sem os mesmos impactos e transtornos, sem que o custo final da obra fosse alterado. O prazo de entrega do novo Cras deve ser novamente fixado e segundo o secretário Valmir Comin os recursos estão garantidos à obra civil e ao mobiliário necessário.

O Centro de Referência em Assistência Social (Cras) busca prevenir a ocorrência de situações de riscos sociais através do desenvolvimento e monitoramento das famílias com atividades que promovam o fortalecimento dos vínculos familiares e sociais, aumentando o acesso aos direitos da cidadania.

 

Morro Grande também ganha Cras 

O secretário Comin, no mesmo dia, também esteve reunido com o prefeito de Morro Grande, Valdionir Rocha,  do vice Eduir Marcelo e diversas lideranças municipais nas dependências do auditório da prefeitura municipal.

Morro Grande foi contemplado com a construção de uma sede para o Cras, uma importante obra do Governo Estadual através da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social Trabalho e Habitação, e que era um sonho antigo da administração e do Prefeito Valdo. O estado já  lançou a licitação, e em breve as propostas deverão ser abertas. Passados os prazos para recurso, será lançada a ordem de serviço. A documentação e o terreno para a construção já estão disponíveis para receber a obra. Hoje, Cras está funcionando em uma casa alugada e inadequada para o atendimento das pessoas que necessitam.

Mapa de Editorias