Curioso

18/06/2017 18:00

19 atores que deram vida à personagens icônicos do cinema


Existem alguns filmes que são verdadeiros clássicos do cinema, enquanto outros são só filmes, em compensação alguns não deveriam nem existir. Bem, cada um tem sua preferência por gênero, estilo, diretor, atores, enredo, afins. Mas se tem uma coisa que é (muito) comum em filmes são os espectadores se identificarem com algum personagem.

Esses personagens, de tão bons – assim se espera – acabam se tornando ícones. Por exemplo, na foto de capa desta matéria temos Rebecca Romijn Stamos e ao lado a atriz interpretando Mística, do filme X-Men. Precisamos lembrar que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas. Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter.

Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. Pensando em, como muitas vezes, as pessoas conhecem os personagens mas não sabem quem é o responsável por dar vida à eles, nós aqui da redação da Fatos Desconhecidos selecionamos uma listinha com 19 atores que deram vida à personagens icônicos do cinema. Confira:

1 – Ron Perlman como Hellboy

01

2 – Ralph Fiennes como Lord Voldemort

02

3 – Jim Carrey como O Grinch

03

4 – Peter Weller como Robocop

04

5 – Verne Troyer como Mini-Me

05

6 – Billy Crudup como Jon Osterman, de Watchmen

06

7 – Ray Parl como Darth Maul

07

8 – Kenny Baker como R2-D2

08

9 – Kelsey Grammer como Fera, de X-Men

09

10 – Antonhy Daniels como C-3PO

10

11 – Hugo Weaving como V de Vingaça

11

12 – Warwick Davis como Ewok Wicket

12

13 – Linda Blair como Regan MacNeil, de O Exorcista

13

14 – David Prowse como Darth Vader

14

15 – Caroll Spinney como Garibaldo

15

16 – Peter Mayhew como Chewbacca

16

17 – Mihaly “Michu” Meszaros como Alf

17

18 – Lou Ferrigno como O Incrível Hulk

18

19 – Heath Ledger como Coringa

19

Então pessoal, o que acharam dessa matéria? Vocês já conheciam todos esses atores? Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com dúvida? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!


11/06/2017 18:00

Nova heroína da Marvel é inspirada no Chapolin Colorado


Chapolin Colorado acaba de integrar o universo Marvel! Quer dizer, quase isso.

Foto: AdoroCinema / AdoroCinema

Vem aí a heroína Red Locust (no Brasil, conhecida como Gafanhoto Vermelho), pseudônimo de Fernanda Ramírez, inspirada no famoso personagem de Roberto Gómez Bolaños, que originalmente surgiu como uma sátira aos heróis americanos.

Criada pelo desenhista mexicano Humberto Ramos, em parceria com o escritor americano Mark Waid, a heroína adolescente de descendência mexicana usa um uniforme vermelho e amarelo que faz referência tanto a Chapolin quanto a um gafanhoto (afinal, Chapulín, em espanhol, é um inseto semelhante ao gafanhoto), e traz a imagem de um coração no peito. Ela fará sua estreia na edição do grupo Champions, composto por Miss Marvel, Nova, o jovem Ciclope do passado, o Homem-Aranha Miles Morales, o Hulk Amadeus Cho e a filha do Visão, Viv Vision.

 

“Conversei com a Marvel, então pude falar com Paulina Gómez Fernanández [filha de Bolaños]. Quero que fique claro, isso é uma homenagem ao trabalho de Chespirito, é um tributo, uma manifestação de amor ao México. É importante mostrar que essa equipe de Champions conversa com todas as diferentes culturas, línguas e raças”, disse Ramos à Cronica. O desenhista ainda revelou que esta é a oportunidade perfeita de levar o Chapolin Colorado a grandes ligas.

Cada vez mais, tanto a Marvel quanto a DC têm apostado na representatividade de heroínas femininas das mais diversas nacionalidades. Recentemente, a Marvel criou uma versão feminina e negra do Homem de Ferro, uma Thor mulher, e uma personagem latina, adolescente e homossexual que tem inspiração Beyoncé.

E aí, o que achou desta personagem?


11/06/2017 12:00

Cantora surda prova que nunca se deve desistir dos sonhos


Se em um primeiro instante Mandy Harvey parece simplesmente mais uma concorrente tentando provar seu talento no programa de jurados America’s Got Talent, rapidamente é possível perceber que há algo de incomum em tal cena: sorridente com seu ukulele nas mãos, Mandy é questionada pelo jurado Simon Cowell quem seria aquela pessoa que, de fora do palco, parecia pronta a lhe acompanhar em seu número. Mandy responde que aquela é sua intérprete – descobre-se então que a cantora a tomar o palco é surda.

America's Got Talent - Season 12

Mandy perdeu sua audição aos 18 anos, por conta de uma doença, mas ao invés de desistir da música – e, logo, de toda sua vida até ali, visto que ela cantava desde os 4 anos de idade – ela decidiu apostar em sua memória muscular e sua afinação. Utilizando a vibração do som (e é por isso que ela se apresenta descalça, para sentir o tempo e as batidas da canção) e referências visuais de afinação, ela simplesmente seguiu cantando, apesar de simplesmente não mais escutar. E o resultado é impressionante.

Ainda que o sentido de superação de sua apresentação dê à cena o componente emocional que torna as lágrimas inevitáveis, para além disso a apresentação de Mandy é de fato incrível, tanto na qualidade da canção – de sua autoria – quanto, pasmem, em sua bela afinação e voz. Mandy cantou a canção “Try” (Tente), que escreveu depois de tomar a decisão de não desistir por conta de sua condição.

Mandy2

Mandy1

Se a música é uma forma de arte naturalmente capaz de levar o maior dos cínicos aos prantos mais sinceros, nesse caso emocionar-se não é opcional para se ter certeza de que há um coração batendo no peito de quem vê a comovente e linda apresentação.

Mandy3

© fotos: reprodução


10/06/2017 00:00

Aquário no Japão tem mais de 60 tipos de águas-vivas

Assista ao vídeo


Aquário no Japão tem mais de 60 tipos de águas-vivas

Com 60 variedades de águas-vivas, o Aquário Kamo, em Tsuruoka, no Japão, conta com uma das maiores coleções desses animais no mundo. Isso representa 2% das 3 mil espécies de águas-vivas do mundo. O local atrai mais de 2 milhões de visitantes por ano.

Um dos tanques que mais se destaca tem quase 5 metros de diâmetro, onde flutuam cerca de duas mil águas-vivas. O aquário ainda tem uma lanchonete onde são oferecidos sorvetes com pedaços de águas-vivas comestíveis.

Carregar mais

Mapa de Editorias