Religião     11 de junho de 2018 14:00
Autor: Marivânia Farias
Sombrio

Festa de Santo Antônio segue até quarta

Padroeiro do município é homenageado


Uma jornada de fé, oração e solidariedade. Assim o padre Antônio Mendes, pároco da paróquia Santo Antônio de Pádua, descreve a maratona de atividades envolvendo os festeiros e o povo em geral, em torno da comemoração do padroeiro de Sombrio.
Ainda antes da abertura oficial da programação, a imagem do santo percorreu diversas localidades. “Queremos mostrar que ele não é o padroeiro da Igreja Matriz, e sim de todo o município”, explicou o padre.
Os festeiros já participaram das celebrações desde este momento e aprovaram a iniciativa. “Éramos recebidos nas capelas com muito carinho, e depois participávamos de um coquetel oferecido pela comunidade. Foi emocionante”, disse o casal Francisco Lisboa e Fernanda Borba Lisboa.
Depois começou a trezena de Santo Antônio, toda noite na Matriz, atraindo dezenas de fiéis. Até chegar o último fim de semana, quando as atrações se intensificaram.
No sábado, houve a tradicional recepção a Banda Marcial, seguindo em procissão até a Matriz, mais tarde a transladação da imagem do padroeiro, missa e a não menos tradicional feira de galinhas.
No domingo, a festa continuou pela manhã com a procissão saindo da casa dos festeiros Paulo Sérgio Alves e Fabrícia Monteiro Alves seguida de missa com a presença dos padroeiros e padroeiras das comunidades. Depois do almoço realizado no salão paroquial, aconteceu o 1º Festival do Ministério de Música.
Às 19h30min a trezena continuou, assim como continua na noite desta segunda-feira e também da terça. Na quarta-feira, 13 de junho, dia de Santo Antônio e feriado municipal, tem missa às 10 horas, seguida de almoço festivo e o sorteio da promoção entre amigos, que em primeiro lugar oferece um automóvel. À tarde, encerrando as festividades, acontece às 15 horas a missa com a escolha dos festeiros para 2019.
Para os quatro casais festeiros, além de Francisco e Paulo Sérgio e suas esposas, fazem parte do grupo Matheus Ulisses de Oliveira e Juliana Alexandre de Oliveira e Donisete Gubert e Simone Vefago Gubert, a experiência é descrita como uma bênção. “Dá um frio na barriga desde a hora em que se recebe o convite, mas é também muita alegria e gratificação”, resumiu Matheus.
Na quinta-feira, 14, o Jornal Correio do Sul publica um caderno especial sobre a festa do padroeiro Santo Antônio de Pádua.

Relacionados

Mapa de Editorias