Polícia     16 de julho de 2017 08:55
Autor: Gislaine Fontoura
Araranguá

Oitavo homicídio do ano é registrado em Araranguá

Crime ocorreu na noite deste sábado, na localidade de Sanga da Areia


Até o mês de abril, Araranguá registrava cinco homicídios, só este mês mais três assassinatos foram registrados. O primeiro na madrugada do dia 8, quando um homem de 34 anos, que estava em um bar, localizado no bairro Jardim das Avenidas, saiu para urinar e foi alvejado com três disparos de arma de fogo nas costas; o segundo na tarde do dia 9, quando um homem de 61 anos, vítima de disparos de arma de fogo, no mês passado, não resistiu aos ferimentos e faleceu no Hospital Regional de Araranguá e o crime evoluiu de tentativa de homicídio, para homicídio. O terceiro assassinato do mês ocorreu na noite deste sábado, dia 15 e a Divisão de Investigação Criminal (DIC) da Polícia Civil de Araranguá, em apenas uma semana, tem três crimes de homicídio para investigar.
Por volta das 21h10min deste sábado, Pedro Henrique Freire de Souza de 28 anos, mais conhecido como Paulista, foi assassinado no pátio de sua residência, que fica localizada próximo às margens da rodovia BR 101, na localidade de Sanga da Areia. A vítima estava jantando com a mulher e mais duas pessoas, quando viu uma luz de moto pela janela da cozinha. Dois homens em uma motocicleta chamaram por Paulista e ele foi até a janela do quarto, conversou com a dupla e saiu pela porta da cozinha, segundos depois, a esposa escutou aproximadamente seis disparos de arma de fogo e ao sair, viu o marido correndo em direção a lateral da residência, onde caiu e acabou falecendo.
De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, os disparos atingiram a região torácica e quando os socorristas chegaram, Paulista já estava em óbito. Polícia Militar, Polícia Civil, Instituto Geral de Perícias (IGP) e Instituto Médico Legal (IML) também trabalharam na ocorrência. No local do crime, a equipe da DIC constatou que a vítima segurava na mão uma porção de maconha, uma varredura foi realizada, porém não foram encontradas cápsulas, levando a polícia acredita se tratar de um revólver usado no homicídio. A Polícia Civil passa a investigar o caso.

Fotos: Contra o Crime

Relacionados

Polícia

Vítimas são rendidas por assaltantes armados em...

Ainda, em outro assalto, criminoso de muleta levou mochila de...

Polícia

Balanço 2017: Mais de 100 criminosos são presos...

A maioria das prisões realizadas pelos policiais da DIC foi por...

Polícia

No mesmo dia: Polícia Civil recupera motocicleta...

Veículo furtado de manhã em Criciúma foi recuperado à tarde em...

Mapa de Editorias