Geral     12 de setembro de 2017 14:00
Araranguá

Vereadores pedem presença estadual


Apesar das demandas locais de competência da administração municipal serem as mais discutidas entre os vereadores, existem aquelas, que para serem atendidas, dependem da boa vontade do governo do Estado. E, foi exatamente este o foco principal da sessão da semana passada, na Câmara de Vereadores de Araranguá quando alguns requerimentos aprovados eram direcionados às autoridades estaduais.

O primeiro requerimento de autoria do vereador Neno Fontoura (PPS), solicita a participação do gerente regional da ADR de Araranguá, Heriberto Schimidt, durante uma sessão, para fazer um balanço das atividades da agência na região. Segundo o autor do pedido, dados precisam ser mostrados com mais detalhes. “Considero muito importante para sabermos das ações que estão sendo implementadas pela gerência, afinal é um braço do Governo do Estado na região”, justificou.

Na área da educação, outros requerimentos também acabaram sendo discutidos e aprovados. O primeiro de autoria do vereador, Jacinto Dassoler (PP), que solicita a transferência do prédio da Escola de Educação Básica de Ilhas, do Estado para o município. “O prédio é do Estado e está desativado com a construção de uma nova escola pelo município. O local poderá ser usado pela associação de moradores para outras atividades comunitárias como Clube de Mães, por exemplo”, argumentou o vereador autor.

A reforma do ginásio de esportes da escola Bernadino Senna Campos (pertencente a rede estadual) foi foco do requerimento do vereador, Adão Vidrinho dos Santos (PR), que solicita aos deputados de seu partido no âmbito estadual e federal, que intercedam para a conquista da obra. “O ginásio por ser aberto e ficar sem seguranças a noite e nos finais de semana está sofrendo com atos de vandalismo. Por este motivo, solicito que seja feita a reforma do ginásio, que além de tudo, vai contribuir com professores e a comunidade”, defendeu o republicano.

 

Mapa de Editorias